Pressão da Moda

Imagem

No começo desse ano, quando Phoebe Philo anunciou que a Céline não desfilaria na semana de moda que se aproximava pois ela estava grávida e queria dar atenção à sua família, a indústria da moda aplaudiu de pé sua decisão. Isso porque muita gente credita justamente à falta desse lado humano na moda as crises de estilistas como Christophe Decarnin e John Galliano. O último, inclusive, falou no tribunal sobre a exaustão que era criar tantas coleções por ano com o novo calendário da moda, que agora há algum tempo engloba também coleções de pré-primavera e pré-inverno. E depois de Phoebe Philo, outra estilista mostra ter a cabeça no lugar para assumir suas limitações e caminhar em seu próprio ritmo, sem ceder à pressão. Em entrevista ao site da Vogue UK, Mary Katrantzou disse que não faz coleções de pré-inverno e pré-verão simplesmente por não ter tempo: “Precisamos de quatro dias para criar uma estampa, e criamos 40 por coleção, ou seja: precisamos de 160 dias. São oito meses por pessoa, quatro meses por dupla”, esquematizou Katrantzou objetivamente, mas sem riscar de vez as temporadas de pré-coleções de seus planos: “Ano que vem, quem sabe, caso nossa equipe tenha aumentado o suficiente para fazer tudo com tempo.”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s